Mapa não está disponível

Título Educação libertadora: um lugar!

Tema - Território Rua Guedes de Brito, nº 01, 2º andar - Centro

Lema Nenhum direito a menos!

Descrição / Relato

A proposta é criar uma tertúlia dialógica, como metodologia de sensibilização, debate e discussão da doença crônica do analfabetismo no país. O seminário convidará os participantes a uma escuta ativa e sensível sobre a problemática da desigualdade social e de como a alfabetização é mecanismo fundamental e transformador de realidades, muito além da qualificação de leitores. Essa atividade propõe uma olhar diferenciado para o que estamos definindo como uma alfabetização plena, consciente e libertadora. Se nós queremos um Brasil da mudança, precisamos garantir a todos os cidadãos o direito de saírem do obscurantismo do analfabetismo.

A atividade tem base na experiência de mais de 20 anos do Instituto, uma organização social que mobiliza cerca de 15 mil educadores no trabalho de melhoria da realidade da educação pública brasileira, por meio de formação continuada, produção e sistematização de conhecimento e mobilização de atores sociais e políticos. Com sede no município de Seabra (BA), na Chapada Diamantina, e escritório de apoio em Salvador, o ICEP construiu sólida expertise nesta área e sua metodologia inovadora tem sido responsável por evoluções radicais no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) dos municípios parceiros.

  • Descrição da atividade e justificativa:

Em um Brasil com quase 40% de estudantes, na faixa etária de 8 a 9 anos, sem aprender a ler e a escrever com proficiência, estamos assistindo ao continuado cenário da exclusão social.

Esta atividade propõe uma olhar diferenciado para o que estamos definindo como uma alfabetização plena consciente e libertadora.

Se nós queremos um Brasil da mudança, precisamos garantir a todos os cidadãos o direito pleno de saírem do obscurantismo do analfabetismo.

A proposta é criar uma tertúlia dialógica, como metodologia na sensibilização, debate e discussão da doença crônica do analfabetismo no Brasil.

O seminário convidará a todos os participantes a uma escuta ativa e sensível dessa problemática de desigualdade. Estarão presentes crianças e jovens que mudaram realidades e vidas a partir da educação.

A atividade proposta tem base na experiência do Instituto Chapada de Educação e Pesquisa (ICEP), organização social híbrida que mobiliza 15 mil educadores, que contribuem para a mudança social de uma geração.

A atuação do ICEP tem como princípio um modelo inovador enquanto tecnologia social, desenvolvido pelo próprio Instituto e batizado como Territórios Colaborativos pela Educação.

Com sede no município de Seabra/BA, na Chapada Diamantina, e escritório de apoio em Salvador, o ICEP ancora sua metodologia na formação continuada de educadores, aliada à mobilização social pela educação.

Ao longo de mais de 20 anos de história, o Instituto construiu sólida expertise na Formação de Equipes Técnicas, Coordenadores Pedagógicos, Gestores Escolares e Professores; na Gestão da Aprendizagem e Redes de Ensino; na Produção e Sistematização de Conhecimento; e na Mobilização de Atores Sociais e Políticos.

A metodologia inovadora da instituição tem sido responsável pela drástica evolução do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) nos municípios parceiros.

Data/hora
Date(s) - 16/03/2018
14:00 - 16:00 .

Localização
ABI - Associação Bahiana de Imprensa

Perfil


Contato

Deixe uma mensagem e etornaremos o mais rápido possível. You can send us an email and we'll get back to you, asap./puede enviarnos un correo electrónico y nos comunicaremos con usted lo antes posible./vous pouvez nous envoyer un email et nous reviendrons vers vous, dès que possible.

Enviando
Select your currency
BRL Real brasileiro
EUR Euro

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

Create Account